Ex-jogador faleceu em decorrência de complicações do câncer

Morreu na manhã desta sexta-feira (7), o campeão olímpico de vôlei André Felippe Falbo Ferreira, mais conhecido como Pampa. O ex-jogador, que era natural do Recife, faleceu aos 59 anos vítima de complicações pulmonares causadas por uma reação à quimioterapia.

Pampa tratava um linfoma, que é um câncer no sistema linfático. O pernambucano estava internado na UTI da Beneficência Portuguesa, em São Paulo, desde abril.

Leia também

• Seleção masculina de vôlei perde para invicta Eslovênia na Liga das Nações

• Liga das Nações: Brasil encara invicta Eslovênia; confira onde assistir

• Liga das Nações: Brasil encara lanterna Irã na madrugada desta quinta (6); saiba onde assistir

Pampa foi campeão olímpico nas Olimpíadas de Barcelona, em 1992. O pernambucano também tem como grande conquista a Liga Mundial de Vôlei, vencida em 1993.

O apelido do ex-atleta veio do início da carreira, no Recife, devido à força da sua cortada, que era comparada ao coice de um cavalo pampa, raça muito tradicional no Brasil.

Após sua aposentadoria, Pampa ingressou na vida política, onde trabalhou no Ministério do Esporte entre 2000 a 2022. O recifense também assumiu as secretarias de esportes de Suzano, em São Paulo, e de Campos, no Rio de Janeiro. O ex-jogador ainda fez parte da Superintendência Estadual de Esportes do Estado de Pernambuco.

leia isso em,https://www.folhape.com.br/esportes/pampa-volei/341027/