Com retorno das atividades escolares, equipes de educação, fiscalização e infraestrutura viária da CTTU serão reforçadas nas vias da capital para garantir o respeito às leis de trânsito (Josenildo Gomes/CTTU)
A partir de fevereiro, escolas municipais e particulares, assim como instituições de ensino superior, vão voltar às suas atividades. Isso vai demandar um maior número de viagens na cidade. Grandes corredores como a Avenida Governador Agamenon Magalhães e a Avenida Norte registram um aumento de 27% e 18% no número de veículos, respectivamente. Pensando nisso, a Prefeitura do Recife, por meio da Secretaria de Política Urbana e Licenciamento (Sepul) e da Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU), montou a Operação Volta às Aulas, que traz ações de educação para o trânsito, fiscalização e engenharia viária. O efetivo estará reforçado nas ruas a partir da quarta-feira (1) para orientar sobre a necessidade de respeitar as leis de trânsito tanto para evitar sinistros graves, quanto para garantir a fluidez nas vias.
 
As ações da CTTU vão unir fiscalização e educação para o trânsito. O efetivo de agentes de trânsito será reforçado nas ruas para evitar infrações como parada e estacionamento nas calçadas ou sobre a faixa de pedestres, parada em fila dupla ou nos cruzamentos. Paralelo a isso, os artistas educadores da Liga da CTTU estarão no entorno das escolas particulares e municipais dos anos iniciais para levar atividades lúdicas com lições de segurança viária e materiais educativos. As ações estarão nas escolas e nas suas proximidades durante todo o mês de fevereiro. Entre as orientações, estão as de sair cedo para evitar retenções, não exceder a velocidade porque esse é um dos principais fatores de riscos de sinistros de trânsito, utilizar cinto de segurança e cadeirinha, quando necessário.
 
De acordo com a Pesquisa de Origem e Destino 2021, realizada pela Prefeitura do Recife, 51% das viagens dos recifenses são feitas por motivos de estudo. Dessa forma, espera-se que, com a volta às aulas, um número maior de pessoas e de veículos estejam nas ruas, o que demanda ações para garantir a mobilidade e a segurança viária. Das viagens feitas por estudo, a Pesquisa OD indica que 60% são feitas com transporte coletivo ou a pé, enquanto 24% são feitas com carros. [UTF-8?]“As nossas ações são voltadas para garantir a segurança viária das pessoas e sabemos que, garantindo a dos pedestres, que são os mais frágeis no trânsito, o motorista do carro, o ciclista e o usuário de ônibus também estará contemplado. Por isso, reforçamos o nosso efetivo para que os condutores tenham atenção nas faixas de pedestres e nas velocidades regulamentadas, principalmente nas áreas escolares, destaca a agente de trânsito Laís Araújo.
 
As equipes de sinalização também intensificaram as suas atividades para sinalizar as áreas escolares. Projetos com faixas de pedestres, placas com velocidade máxima regulamentada e avisos sobre a área escolar serão implantados com o objetivo de fazer os condutores respeitarem aquela localidade, que tem maior número de pedestres, em sua maioria crianças. Essas ações estão alinhadas com as estatísticas de sinistros de trânsito do Recife, analisadas no Relatório Anual de Segurança Viária Recife 2021, que indica 48% das vítimas fatais como sendo pedestres. Além disso, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS) os sinistros de trânsito já são a principal causa de morte para a população entre 5 e 29 anos, daí a necessidade de proteger essas pessoas.
 
TRANSPORTE ESCOLAR 
Ainda em janeiro, equipes de transportes especiais realizaram o recadastramento dos transportes escolares para regularizar os serviços que são oferecidos no Recife. Para os pais, mães ou responsáveis que precisarem contratar transporte escolar para os estudantes, a CTTU orienta que observem se o veículo possui o selo do Detran-PE cedido aos carros aprovados pela vistoria semestral; peçam referências sobre o motorista a outros pais e na escola; analisem o comportamento do condutor no trânsito; chequem e as crianças transportadas utilizam o cinto de segurança; anotem o endereço e o telefone do motorista e do seu auxiliar a, ainda, façam um contrato com o prestador do serviço.
 
 
LEIA MAIS EM,https://www.diariodepernambuco.com.br/noticia/vidaurbana/2023/01/no-recife-operacao-volta-as-aulas-garante-maior-seguranca-viaria-e-ed.html